segunda-feira, 29 de março de 2010

Teoria Atômica de Demócrito

Parte 1 - Introdução - A Estrutura da Matéria


Tudo que há no Universo é constituído de matéria. Ela possui massa e, fisicamente falando, ocupa lugar no espaço e está sujeita a inércia.

Ao dividir em pedaços cada vez menores chegaremos até a molécula, ao menos que ela perca suas características originais. Porém se dividirmos a mesma chegaremos aos átomos e daí ela perderá suas características.



(Imagem: Representação da Molécula).


Átomo é uma palavra grega que significa indivisível. A “descoberta” da mesma seria do filósofo grego chamado Demócrito(460 -370 a.C.). Até pouco tempo se julgava isso como correto, mas com os avanços dos estudos e das pesquisas da física nuclear, verificou-se que era possível, sim, dividir o átomo em três partículas.

Entenda um pouco da sua história e de suas teorias abaixo:

Parte 2 – Teoria Atômica de Demócrito, o Pai do Atomismo Grego.

Demócrito de Abdera era discípulo e sucessor de Leucipo de Mileto e é considerado como “o pai do atomismo grego”. Em suas várias viagens foi permitito o poder de trabalhar em pesquisas mais detalhadas da época e sendo assim muito homenageado e aplaudido aos lugares que ele passava.
Ao decorrer de sua vida, ele largou suas obras para solucionar as teorias de Heráclito e Parmênides.

Ele era uma pessoa materialista, ou seja, acreditava no material e não em que uma força ou inteligência que podia interferir quaisquer processo natural.

O átomo, segundo a Demócrito, é indivisível, imutável e eterno. Quando um ser-humano morre, por exemplo, sua alma se desfaz e o átomo por ter diversos formatos (lisos, arredondadas ou irregulares) combinaria com outro átomo para formar-se novos corpos, sendo tudo reaproveitado. Explicando assim aquela antiga frase,
"Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma"(Autor Desconhecido por mim)

Entretanto tinha algo que Demócrito não sabia, que os átomos são compostos por partículas ainda menores, sendo elas os prótons (carga positiva), os nêutrons (sem carga) e os elétrons (carga negativa).


Parte 3 – Resumo da Representação Atômica Atual, o Átomo de Niels Bohr. (Parte Extra)



O físico dinamarquês Niels Bohr (1885-1962) propôs a estrutura do átomo com as suas partículas, que lembram o Sistema Solar.
No átomo tem-se o núcleo, onde ficam os prótons e os nêutrons (como se fossem o Sol), e a eletrosfera, onde ficam os elétrons (como se fosse os Planetas). A eletrosfera pode chegar a ter 7 camadas, camadas K, L, M, N, O, P e Q.

(Imagem: Representação do Átomo de Niels Bohr).


Postado pelo aluno Brendon Silva de Oliveira.

6 comentários:

  1. gostei do artigo, mas na minha visão ele precisaria ser completo ou completado.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. A frase "Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma" é de Lavoisier que era considerado o pai da química moderna por causa da lei de conservação da massa.

    ResponderExcluir
  4. A frase "Na natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma" é de Lavoisier que era considerado o pai da química moderna por causa da lei de conservação da massa.

    ResponderExcluir